Como furar o acrílico

07/06/2016

Para furar o acrílico pode ser usada a furadeira comum ou específica para furar o polímero, mas também podem ser utilizadas as brocas especiais para acrílico, mesmo na furadeira comum. Estas brocas possuem a espiral espaçada, sulcos largos e polidos, dando um melhor acabamento na peça. E para um melhor resultado as brocas não podem estar gastas ou cegas, mas, devidamente, afiadas com borda cortante de inclinação zero e ângulo de 130° entre a borda e o gume, que deve estar o mais curto possível e afiado.

Alguns cuidados devem ser tomados para realizar a furação da placa como o uso de óculos de segurança, para evitar que fragmentos atinjam os olhos; apoiar a placa em cima de outra placa de acrílico inutilizável ou de uma placa de MDF evitará que a broca danifique ou arranhe o acrílico e prender bem uma placa na outra com quantas prensas forem necessárias até ficar bem firme. Além disso, deve se diminuir o calor gerado no processo, para evitar o crazing (fissuras), desse modo, perdendo a qualidade da peça; e retirar constantemente os cavacos, para não grudar na placa.

Ademais, o ângulo da ponta da broca deve estar em 180°, desde que a placa seja mais grossa que a profundidade da ponta da broca, e o da furadeira deve estar em 90° em relação à placa de acrílico. Todavia, serão necessárias as alterações destes ângulos caso o furo seja feito em peças já moldadas, isto é, quando não for mais possível a utilização de uma placa de apoio. Lembrando que a furação deve ser lenta, constante e pausada, pois além de não ser necessária a força para que a broca perfure o material, a pausa dará um tempo para a broca e a placa esfriarem, evitando distorções no polímero. 

Como furar o acrílico

Voltar

Orçamento

Gostou dos nossos produtos? Então faça uma cotação online, sem compromisso. É rápido e fácil.

Fazer cotação
UA-50120507-1